10 motivos para aprender escalas


Escalas de guitarra - seu cérebro precisa disso

Se você é um músico iniciante, médio ou avançado, que toca legatos a velocidade da luz, não importa quanto tempo você toque, continue a praticar mais e mais escalas. Seus dedos precisam conhecer os trastes, casas e a própria escala - sempre. Além disso seu cérebro precisa criar novas conexões SINAPSES estimulando cada vêz mais seus NEURÔNIOS.
guitarratecnica.com - Escalas de guitarra - seu cérebro precisa disso

Mas antes vamos preparar nosso ambiente:
Quando estiver praticando, aponte o seu amplificador para sua cabeça ou ouvidos, recebi este conselho acerca de 25 anos atrás e é o que uso até hoje.

Não é preciso tocar no talo pois você está praticando não está tocando ao vivo. Eu uso um amplificador de 30W com o Gain no 4 , Volume no 5 e o Master entre 4 - 5, pratico assim o tempo todo, o amplificador está a 2,20mts de minha cabeça, muito alto o som.

Se vai tocar mais baixo que isso ponha-o mais perto, você precisa escutar seus erros também, mesmo que sejam mínimos. Você precisa acostumar-se a ouvir-se e a soar bem quando você toca, sem se enganar. Se não consegue soar bem a você mesmo, não soará bem aos outros - Les Paul disse isso !

Muito mais que um metrônomo, um baterista ! Você conhece o MP3 Audio Drums Kit ?

  1. Quando você toca músicas, riffs ou licks eles derivam de escalas. Quando você toca notas singles elas vem de escalas também.
  2. Quando você aprende a maioria das escalas básicas você aprende a criar solos melhores, e todos nós sabemos que um solo de guitarra nada mais é do que escalas e frases respectivas a elas correto ?
  3. Quanto mais escalas e conexões entre elas você aprende, mais você aumenta sua capacidade auditiva. Você passa a reconhecer escalas usadas em solos, seu improviso melhora bastante.
  4. Você passa a reconhecer melhor os acordes e progressões dos acordes.
  5. Você aumenta sua técnica, há muitos modos de praticar escalas, alguns métodos melhores que outros, teste o que for mais efetivo e divertido para você.
  6. Você aprenderá música mais rápido e passará mais tempo dentro do tom quando improvisando.
  7. Não subestime as escalas pentatônicas Maior e Menor e suas conexões. Com estas duas escalas pode-se fazer quase tudo, principalmente se aprender a interligá-las. Fale com seu professor sobre isso ou estude por conta própria. Há muito material na internet sobre isso, e o melhor: Grátis !!!
  8. Você aprenderá a compor mais quando você aprender mais e mais escalas, afinal a sonoridade de cada escala é única e você já estará criando novas conexões no seu cérebro. Pense nos grandes músicos, todos eles praticam escalas até hoje, e cada vêz procuram novas sonoridades nelas ou escalas novas a aprender.
  9. Quando você aprende ou pratica escalas você começa a identificar arpegios dentro delas, isto é um fato.
  10. Você sabia que não existe um padrão mundial nem sistema único mundial que nomeie escalas ? Podemos conseguir nomes distintos de escalas de um músico para outro. É lógico que uma escala maior sempre será maior e uma escala menor sempre será menor.
    Eu morei em Portugal e Espanha durante 3,5 anos consecutivos entre 1988 e 1992 e pude constatar isso pessoalmente quando estudei e toquei por lá. A parte principal disto tudo é saber diferenciar uma escala maior de uma menor. Lembre-se: isto é o básico em música, se você não sabe aprenda.
Quais as escalas mais usadas na guitarra ?

Deixem a preguiça de lado agora e vamos praticar !
31-acordes-brinde


Gostou do artigo ? Comente, curta e compartilhe !

Recomendado para você !